7.10.07

27 anos - parte 2

Disseram que a tarde de 7 de outubro de 1980 estava meio nublada na capital paulista. Às 17h25 eu nascia. Não faz tanto, faz 27 anos, mas o longa metragem rodou bastante, virou seriado, teve várias temporadas. Muitas personagens passaram por ele, umas ficaram por perto, outras no coração... e as gravações continuam.

Na minha vida sou protagonista e diretora. Quem escolhe a trilha sonora e a próxima cena sou eu, ou deveria ser. Deus, destino, coincidências, acaso.

Eu desejo que inutilidades me cerquem, sorrisos tolos me façam feliz, incertezas se afastem, vontades sejam saciadas, o amor sempre esteja presente, sendo meu melhor lugar do mundo, e a fé seja sempre o alicerce. Que a criatividade me faça sentir viva e as responsabilidades me mostrem o chão. Que as estrelas me lembrem do brilho, mesmo que distante, e as fases da lua continuem me comovendo. Que a foto complemente o conteúdo e o ponto final exista para seguir para a próxima linha.

E que a força de um abraço sincero, a credibilidade de um olhar puro e a confiança de um belo aperto de mão estejam sempre por perto.

4 comentários:

Fabio Chiorino disse...

a vida é sempre um tiquinho melhor quando cheiraa brigadeiro. Parabéns, garota. Ótima temporada pela frente

Paulo disse...

Thais
Como te disse no domingo, parabéns, felicidades, saúde, você é e sempre será feliz, seu pai que te ama muito, Paulo

Junior Rossetto disse...

A vida reserva coisas maravilhosas a você, só se é necessário deixar rolar ...
Grande beijo

Thais França disse...

Obrigada aos 3!
Sabe... brigadeiro é a única coisa que sei fazer na panela!
bj